Zahar

R$ 39,90
R$ 27,90

Ficha Técnica

Lançamento: 14/6/2018
Tradutor:
152 páginas
14x19cm
1ª edição
ISBN: 9788537817643
eISBN 9788537817674
Código: Z2069

Ruptura

A crise da democracia liberal
                

Uma análise contundente dos tempos sombrios que vivemos, por um dos mais respeitados pensadores da atualidade

"Sopram ventos malignos no planeta azul", sentencia o sociólogo Manuel Castells, enquanto o mundo é assolado por um turbilhão de múltiplas crises. A crise econômica que se prolonga em precariedade de trabalho e desigualdade social; o terrorismo fanático que impossibilita a convivência e alimenta o medo; a permanente ameaça de guerras atrozes como forma de lidar com conflitos; as inúmeras violações aos direitos humanos e à vida.

Existe, porém, uma crise ainda mais profunda: a ruptura da relação entre governantes e governados, refletida no sentimento geral de que as instituições políticas "não nos representam". Para o autor, trata-se do gradual colapso da democracia liberal.

Nesse livro claro, instigante e bem-documentado, Castells analisa as causas e consequências desse rompimento, à luz dos mais recentes acontecimentos políticos mundiais: a vitória de Trump nos Estados Unidos; o resultado do Brexit no Reino Unido; a desconfiguração partidária na França na votação que elegeu Macron presidente; e a ideia de "democracia real" (em oposição à moribunda democracia liberal), nascida dos movimentos originários das redes sociais na Espanha, que levou ao fim do tradicional bipartidarismo no país.

Mas aonde nos levará essa ruptura? Qual a nova ordem que substituirá a que morre? Se o futuro é incerto, Castells nos faz refletir e enxergar com clareza o panorama atual, em uma publicação crucial para o momento que vivemos.

Compartilhe

Comentários

José Antonio

Me interessam muito as atualizações.

07 de Outubro de 2018

Comentar